Posts marcados na categoria Filmes

16 mar, 2019

[Filme] Dumplin @Netflix

Uma grande parte dos filmes e séries do catálogo da netflix são adaptações literárias, e em sua maioria são muito boas e bem produzidas, “Dumplin” é uma dessas adaptações, e confesso que mesmo que eu não tenha lido o livro ainda assim, apreciei bastante a ideia criada no filme para nos transmitir algumas mensagens importantes e lições valiosas, uma das que mais me marcaram foi a forma que um dos personagens demostrou o que sentia da forma mais respeitosa e sincera que podia.

Sinopse: Willowdean Dickson (Danielle Macdonald), é uma jovem acima do peso e bastante confiante com o próprio corpo, apesar de não ter o respeito de sua mãe, uma ex-miss (Jennifer Aniston). Quando se apaixona pelo atleta Bo (Luke Benward) e começa a ter inseguranças. Will decide entrar num concurso de beleza como forma de protesto.

A superação de cada um envolvido no filme irá te cativar durante a exibição, você consegue identificar as dificuldades e personalidade deles de forma singular e natural, é incrível o desenvolvimento dos atores como pessoa, foi uma das coisas que me chamaram atenção durante o filme.

A história da protagonista inicialmente torna -se clichê, uma garota acima do peso considerado aceitável pela sociedade onde vive, clássico do que passei em minha adolescência e vivo até os dias atuais. Porém a forma como ela lida com isso é diferente da qual eu utilizava, geralmente me isolava e ficava triste quando alguém me ofendia por ser gorda.
Willowdean é uma personagem mais forte e centrada, isso não significa que não sofra, mais ela encara as coisas de sua vida de uma forma mais madura, quando perdeu sua tia que praticamente a criou as coisas desandaram um pouco, mais ela achou seu caminho de volta e foi ser feliz sendo quem é!

Enfim não vou me estender muito, mais gostaria de indicar esse filme mesmo para quem assim como eu ainda não leu o livro, acredito que a leitura será mais enriquecedora, entretanto a adaptação já me ganhou em diversos aspecto.

Ops! Já estava me esquecendo a trilha sonora do filme foi um presente e tanto, assistam para vocês saberem qual é!

Espero muito que tenham gostado da dica, beijos!

31 jan, 2019

[Séries e Filmes] Netflix

Se existe uma coisa da qual eu não me arrependo é de ter assinado a Netflix, hoje quero compartilhar com vocês alguns dos filmes e séries que pretendo ver e acompanhar nos próximos dias e meses, espero que as dicas agradem vocês, vou colocar um misto de gênero porque sou dessas que gosta de um pouco de tudo rs.
O primeiro filme que quero assistir e acredito que farei isto neste final de semana é Polar, um assassino prestes a se aposentar irá precisar adiar seus planos de boa vida, seu chefe ganancioso envia um bando de matadores jovens e muito cruéis para extermina-lo.
Imagina minha felicidade ao ver esta novidade no catálogo, eu adoro ação, e aventura e ambos estão presentes neste filme, então este é meu primeiro filme da nossa lista de hoje.
Nosso segundo filme é Roma, o filme pende mais para o drama e relata a vida de uma família no México durante os 70 que foi muito turbulento, vencedor do Oscar acredito que o filme promete um incrível enredo e interpretação sem dúvida.
O terceiro filme que quero muito assistir é Gun City, em 1921 anarquistas e a policia se confrontam em barcelona, e um policial faz jogo duplo para descobrir quem roubou armas que poderiam desencadear uma guerra civil.
Agora quero compartilhar algumas das séries que pretendo acompanhar nos próximos dias, a primeira delas é Sex Education, a mãe de um rapaz é sexóloga e isso faz com ele decida aconselhar seus colegas na escola sobre sexo, como se fosse uma terapia do sexo.
Ordem na casa é uma série fantástica que já estou assistindo, e Marie Kondo da dicas valiosas ensinando as pessoas a se organizarem com o espaço que possuem, transformando a vida delas. Estou amando.
A última série que a propósito também ja estou assistindo na verdade é uma mini série, forte e cheia de  lições é Black Earth Rising, uma história de perda, dor e justiça. Uma sobrevivente de um genocídio terá que ir até seu passado desconhecido se quiser encontrar a paz interior.
Espero que gostem das dicas de hoje e aproveitem o final de semana para assistir muitos filmes e séries, tem mais algumas adaptações que quero muito ver mais por hora é isso, vejo você em breve um grande beijo e até a próxima!
18 ago, 2018

Adaptação Filme Para Todos Os Garotos Que Já Amei – Disponível No Netflix

Olá pessoal, estive muito animada e ansiosa para vir aqui no blog escrever minha opinião sobre a adaptação da obra de Jenny Han, e fiquei muito feliz com a estreia ontem no netflix, a leitura de “Para Todos Os Garotos Que Já Amei” foi uma das melhores de 2018 até o momento então tinha muitas expectativas para o filme, espero muito que gostem do post!
O filme se revelou muito melhor do que eu esperava, tinha grandes expectativas para a atuação dos atores escolhidos na produção e eles não deixaram a desejar, fiquei muito satisfeita com toda a interpretação realizada por todo o elenco, e preciso dizer ficou muito similar ao livro, claro que na leitura temos muitos outros detalhes deixados de lado, mais conseguiram entregar uma boa adaptação e fiquei simplesmente mais apaixonada por toda a história.

Para os que desconhecem por completo, “Para Todos Os Garotos Que Já Amei” nos conta sobre a vida de uma jovem chamada Lara Jean, que vê seu mundo virar de ponta cabeça após antigas cartas que a mesma escreveu serem enviadas misteriosamente, ela escreveu essas cartas para rapazes por quem por algum período mesmo que curto esteve apaixonada e Lara as guardava em uma caixa que foi presente de sua mãe.

Quando a jovem se viu confrontada pelo primeiro rapaz que recebeu sua carta depois de anos, ela fica totalmente sem chão e uma grande confusão se instala, o jovem em questão acabou de terminar seu namoro e ficou completamente confuso com a carta de Lara, entretanto o destino é bem audacioso e tem planos bem românticos para eles.
O filme me deixou ainda mais empolgada para próxima leitura, o segundo livro da série Ps ainda amo você será resenhado muito em breve aqui no motivação literária, e tenho certeza que irei amar tanto quanto o primeiro, ainda sobre a adaptação fiquei muito feliz com todo cenário construído foi bem como havia imaginado, o final ficou um pouco vago, particularmente gostaria que fosse melhor trabalhado, mais tenho certeza que pode existir uma continuação para o romance da protagonista.
Preciso salientar que realizar a leitura antes de ver o filme foi algo que fez toda a diferença, senti que compreendia melhor a estória e poderia imaginar de forma mais significativa na hora do filme acredito que o romance ficou muito mais bonito no livro, porém o filme também teve grande representatividade nessa questão.

Espero muito que tenham gostado, se você ainda não conferiu a resenha do livro está disponível aqui no blog Para > Todos Os Garotos Que Já Amei, um grande beijo e até a próxima.

13 ago, 2018

Filme- Música Do Silêncio

Uma das coisas que eu gosto muito de fazer aqui no blog é indicar filmes que contribuíram de alguma forma para o meu crescimento pessoal, nem sempre consigo transmitir através da escrita o quanto determinado filme influenciou de alguma forma algo em minha vida, hoje irei tentar melhorar isso neste post, eu particularmente desconhecia a produção, e sua temática ao qual eu não tenho o hábito de apreciar, porém as coisas mudam e o jogo virou, me tornei apreciadora do trabalho realizado pela inspiração desse filme.

Música Do Silêncio é um filme muito sensível que propõem o acompanhamento da trajetória de vida e carreira de Andrea Bocelli, italiano e dono de um talento encantador, desde muito cedo teve que enfrentar dificuldades terríveis para alcançar o que tanto almejava, o jovem começou ficar cego e foi diagnosticado com uma doença sem cura ou tratamento, ao 12 anos anos perdeu por completo a visão, entretanto isso não o fez desistir de seus sonhos.

Sua família sempre foi muito apoiadora e dedicada ao jovem que necessitava de cuidados especiais porém nunca admitiu que o tratassem de tal forma, lutou pela sua independência e pelo direito de viver sua vida como qualquer outro adolescente, já na idade adulta tentou de diversas formas se destacar como cantor lírico, fracassando em sua maioria, lhe faltava algo a mais, orientação talvez, e essa por sua vez surgiu com a ajuda de um professor que fez de Andrea o homem que é hoje.

Preciso confessar a vocês que nunca senti o menor interesse em produções como esta, resolvi dar uma chance ao filme porque ele apresentou uma temática muito inspiradora, de um jovem que passou por dificuldades tamanhas e que mesmo assim seguiu em frente, teve apoio e amor de família e mesmo quando tudo deu errado permaneceu de pé e lutou, a emoção que senti vendo sua trajetória me deixou reflexiva.

O filme é entre tantas outras coisas motivador, representativo, nos mostrou um mundo pelo olhos de um homem sem visão, e que da forma mais bela enxerga a vida como algo grandioso e valioso uma lição que muitos deveriam aprender.

Espero muito que vocês tenham gostado da dica de hoje, até a próxima!
31 maio, 2018

[Série] Bitten Syfy

Já tinha um tempo que queria falar sobre série aqui no blog, e não estava conseguindo aquela conexão bacana com as séries que comecei a assistir, mais hoje quero compartilhar com vocês um pouco de Bitten, toda vez que a olhava pensava, depois eu vejo, e agora já na terceira temporada eu penso porque adiei tanto gente? Alguém me explica por favor? Espero que gostem da dica!

Sinopse: As aventuras de Elena Michaels (Laura Vandervoort), uma bela loira de 28 anos de idade que é a única lobisomem do sexo feminino em todo o mundo. Órfã, ela imaginava que tinha encontrado seu “feliz para sempre” ao lado de Clayton (Greyston Holt), até que, com uma simples mordida, sua vida mudou para sempre.

“Bitten” é uma série de lobos, sua temática principal é a história de uma matilha que começa dividida nos primeiro episódios, entretanto alguns problemas faz com que o alfa Jeremy convoque todos para uma reunião, e isso acaba trazendo a tona acontecimentos do passado de alguns deles.
O primeiro membro que conhecemos é Elena a única mulher que sobreviveu a transformação na história dos lobos, geralmente quando uma mulher é mordida ela não dura muito tempo, no caso de Elena foi diferente ela possui algo de especial e se tornou uma loba respeitada por todos mais também se tornou alvo de curiosos de outras matilhas, e a protagonista não gosta da  vida que foi obrigada a ter, sua transformação foi algo doloroso e envolveu seu grande amor Clay.
Com uma mistura de suspense, fantasia, drama e até mesmo magia, Bitten foi lançada em 2014 e está disponível no canal  Syfy, uma série cheia ação e suspense, que irá lhe prender do começo ao fim, ótima para curtir no final de semana, a série conta um pouco sobre a trajetória de Elena e de sua matilha com muita cenas picantes dos casais apaixonados que a compõem.
Espero que tenham gostado da dica de hoje! Um grande beijo e até a próxima!
24 maio, 2018

[Filmes] Quatro Dicas De Filmes Para O Final De Semana [Netflix]

Olá pessoal hoje quero compartilhar com vocês quatro dicas de filmes para que possam aproveitar o final de semana, um desses filmes já tive a oportunidade de assistir e vou contar um pouco sobre ele, os outros dois são filmes novos que estou louca pra ver, espero que gostem!
O primeiro filme de hoje se chama “Lá Vem Os Pais” e trata-se de uma comédia com uma pitada de drama que adorei ver,  duas famílias grandes terão que sobreviver a uma semana juntos antes do casamento dos filhos, o pai do noivo é médico possui dinheiro e esta vindo para se hospedar em um hotel na cidade da noiva de seu filho, tudo foi preparado pelo pai da noiva, um homem simples que nutre um amor imenso pela jovem. As coisas começam a dar a errado e os pais começam a se desentender, de uma forma cômica e divertida assistimos a bagunça que a família faz durante o casamento e percebemos o amor que pai e filha tem um pelo outro independente das circunstancias
.
Nossa próxima dica é Cargo em meio a um apocalipse zumbi um pai desesperado busca alguém que possa cuidar de sua filha, o filme me parece ser forte e fiquei intrigada com as imagens iniciais, foi disponibilizado recentemente e é classificado como terror, porém apresenta uma ideia principal de drama também. Estou louca para ver!
“A Barraca Do Beijo” é nossa terceira dica de hoje me parece ser um filmes leve, tipico para jovens, onde uma garota se apaixona pelo melhor amigo e isso pode custar a amizade de ambos.
“King” é um filme que irá falar sobre a busca por vingança de homem que teve a irmã morta, ele se infiltra em uma rede de crimes em Los Angeles e fará de tudo para alcançar seu objetivo, um filmes de ação para fechar nossas dicas.
Espero que vocês tenham gostado, bora assistir juntos e depois conversamos sobre eles o que acham? Um grande beijo e até a próxima!
13 abr, 2018

Filme As Sufragistas

Quando comecei a assisti a produção que foi lançada em 2015, fiquei completamente envolvida com o drama vivido pelas personagens, uma clara introdução ao feminismo e a luta da mulher para ter seus direitos reconhecidos pela sociedade e que sua imagem seja vista além da fragilidade que era imposta graças aos homens.
Um filme que retrata as dificuldades enfrentadas por nós mulheres para chegarmos aonde estamos hoje, e termos o direito de opinar nas decisões tomadas em nosso país, termos direito ao voto, ao trabalho e salário igualitário, a mensagem de toda a história contada no filme é muito clara e sinceramente revoltante ao mesmo tempo, para nós mulheres que ainda sofremos com o preconceito, com o abuso de nosso sexo, com o fato de sermos vistas ainda hoje pela sociedade, como sexo frágil é revoltante, mais também é um alerta de que lá atrás começamos uma luta que hoje mantemos e resistimos o quanto for necessário.

Sinopse: No início do século XX, após décadas de manifestações pacíficas, as mulheres ainda não possuem o direito de voto no Reino Unido. Um grupo militante decide coordenar atos de insubordinação, quebrando vidraças e explodindo caixas de correio, para chamar a atenção dos políticos locais à causa. Maud Watts (Carey Mulligan), sem formação política, descobre o movimento e passa a cooperar com as novas feministas. Ela enfrenta grande pressão da polícia e dos familiares para voltar ao lar e se sujeitar à opressão masculina, mas decide que o combate pela igualdade de direitos merece alguns sacrifícios.

Quando Maud descobriu um grupo de mulheres que estão lutando pelo direito do voto e opinião nas decisões públicas, ela era apenas uma  operária de uma fábrica de lavar no inicio do século XX, casada mãe de um menino de mais ou menos 7 anos na época retratada no filme, e nunca imaginou que iria enfrentar uma luta tão marcante e importante da forma como foi feita, nossa protagonista perdeu o direito de estar com o filho, a confiança do marido foi se esvaindo e a vergonha que ele achava estar passando por ter uma esposa manifestante foi mais forte do que o amor que sentia por ela.
“As Sufragistas” foi uma produção incrível baseada em fatos reais, um filme que pode ser usado para exemplo da força feminina, como a luta por direito foi importante e ainda é nos dias de hoje, o sofrimento e toda a humilhação sofrida pelas personagens retrata basicamente o que milhares de mulheres viveram e vivem, é uma batalha ainda muito presente e não podemos nos esquecer jamais.Espero muito que tenham gostado da dica de hoje, assistam o filme! Garanto que irão gostar tanto quanto eu, um grande beijo e até a próxima!

18 mar, 2018

Filme-A Forma Da Água-Guilherme Del Toro

Quando assistimos filmes como este, queremos falar sobre ele, contar nossa opinião, o mundo precisa conhece-lo, foi assim que pensei sobre o filme de hoje, uma linda produção com uma mensagem pura e de amor, espero que gostem!

Sinopse: Década de 60. Em meio aos grandes conflitos políticos e transformações sociais dos Estados Unidos da Guerra Fria, a muda Elisa (Sally Hawkins), zeladora em um laboratório experimental secreto do governo, se afeiçoa a uma criatura fantástica mantida presa e maltratada no local. Para executar um arriscado e apaixonado resgate ela recorre ao melhor amigo Giles (Richard Jenkins) e à colega de turno Zelda (Octavia Spencer).

“A Forma Da Água” foi uma adaptação belíssima interpretada de maneira astuta e romântica para quem esta vendo, á algum tempo não assitia algo assim que me remetesse ao romance bom e puro, uma produção que conta  á história de uma criatura marinha e as torturas que os homens a fizeram passar, entretanto quando uma bela moça a conhece descobre na criatura algo encantador aos olhos.
Eliza Esposito é uma bela moça e possui a deficiência da fala, ficou assim quando ainda era um bebe, alguém lhe causou essa mal, já adulta trabalha em um laboratório do governo, ela é uma das muitas faxineiras do local, Eliza possui um rotina apresentada a nós logo no inicio do filme, ela também tem um grande amigo e vizinho Giles, ele é o tipo de pessoa que você quer ter por perto dono de uma talento incrível e apaixonado pelo próprio sexo, o que era considerado naquela época algo perverso e desrespeitoso, no laboratório nossa protagonista tem uma amiga muito especial que sempre esta disposta a ajuda-la, Zelda é o tipo de amiga que Eliza precisa sempre a traduz para os demais e gosta de jovem como uma verdadeira irmã.
Mais um dia de trabalho para as moças dessa história e tudo vai indo como de costume até que os cientistas do lugar recebem a noticia da chegada de uma nova cobaia, até ai tudo bem, o que não poderíamos imaginar é que Eliza se apaixonaria pela criatura, esse ser diferente e aquático viu nela tudo que ela desejou ao contrário dos homens que a cercavam que apenas enxergavam sua deficiência.
Confesso a vocês que o filme me surpreendeu em muitos aspectos fora o romance e aceitação das diferenças que hoje em dia prezamos muito, a caracterização e interpretação dos personagens me conquistou profundamente, uma belíssima produção que eu precisava indicar a vocês, estou louca para ler o livro e saber mais detalhes sobre essa história, espero que tenham gostado, um grande beijo e até a próxima!
02 fev, 2018

Série Wynonna Earp Netflix

Hello pessoas, hoje a dica é de série e das boas, aquela com muita ação, sobrenatural, maldições, romance, ou seja com tudo que a gente gosta, vem conferi!
Wynonna Earp é a bisneta do lendário xerife Wyatt Earp. A personagem é fictícia criada para os quadrinhos (HQs de Beau Smith), porém Wyatt Earp existiu de verdade. Wynonna é uma Earp, uma herdeira da maldição da que a família carrega, ela volta pra cidade em que nasceu e perdeu tantas coisas para o enterro do seu tio, em purgatório tudo continua sombrio e cheio de renascidos, a missão da herdeira e mandar cada um de volta para o inferno com sua pacificadora a única arma capaz de matar um demônio.
A série já começa cheia de emoção e descobertas sobre a família Earp, a irmã de Wynonna foi levada no mesmo dia em o pai delas morreram, Willa era a próxima herdeira se ainda estivesse por ali, como nunca a encontraram acharam que tivesse morrido e a missão de acabar com os renascidos ficou para Wynonna, a irmã mais nova Waverly é a mais inteligente e esperta, sabe tudo sobre a maldição, sobre lugares e se tornou fundamental para ajudar a herdeira em sua missão.
Comecei recentemente a acompanhar a série que só teve duas temporadas disponibilizadas até agora no Netflix, estou aguardando ansiosa pela próxima temporada, se tem uma coisa que gosto em séries é essa mistura que fizeram em Wynonna Earp, cheia de ação, romance, maldições, coisas sobrenaturais tudo que gosto em uma unica série, a inclusão social na  é nítida.
Também temos o fator de que a produção se preocupou com a sexualidade de todos incluindo casais gays na série o que me deixou muito feliz, é bacana saber que temos espaço para todos, outro detalhe importante sobre essa produção é o humor caipira que adicionaram ou seja podemos nos diverti e muito com os episódios.
Espero que tenham gostado, um grande beijo e até a próxima!
03 jan, 2018

Filme Bright Netflix

Olá pessoal, no post de hoje vim compartilhar uma dica de filme daquelas cheia de ação, fantasia e ficção, o mais novo filme estrelado por Will Smith produção da própria Netflix e posso adiantar que eles arrasaram!

Sinopse: Em um mundo futurista, seres humanos convivem em harmônia com seres fantásticos, como fadas e ogros. Mesmo nesse cenário infrações da lei acontecem e um policial humano (Will Smith) especializado em crimes mágicos é obrigado a trabalhar junto com um orc (Joel Edgerton) para evitar que uma poderosa arma caia nas mãos erradas.

O filme foi muito bem produzido, existe alguns pontos que poderiam ter sido mais explorados como a história dos inferni, e o senhor das trevas, mais acredito que é tema para um segundo filme, tomara que sim!

A interpretação de Smith estava diferente nesse filme ele ficou mais centrado, não vimos tanta ironia em suas falas mais deu pra sentir o gostinho do bom e velho ator na hora que o bicho pegava nas cenas com mais ação, e por falar em ação o filme tem e muita, enfim é uma ótima dica pra ver em família no final de semana pra começar 2018 com tudo.

Espero que tenham gostado, confira o trailer, até a próxima!
Trailer