Posts arquivados em Tag: Fantasia

31 maio, 2018

[Série] Bitten Syfy

Já tinha um tempo que queria falar sobre série aqui no blog, e não estava conseguindo aquela conexão bacana com as séries que comecei a assistir, mais hoje quero compartilhar com vocês um pouco de Bitten, toda vez que a olhava pensava, depois eu vejo, e agora já na terceira temporada eu penso porque adiei tanto gente? Alguém me explica por favor? Espero que gostem da dica!

Sinopse: As aventuras de Elena Michaels (Laura Vandervoort), uma bela loira de 28 anos de idade que é a única lobisomem do sexo feminino em todo o mundo. Órfã, ela imaginava que tinha encontrado seu “feliz para sempre” ao lado de Clayton (Greyston Holt), até que, com uma simples mordida, sua vida mudou para sempre.

“Bitten” é uma série de lobos, sua temática principal é a história de uma matilha que começa dividida nos primeiro episódios, entretanto alguns problemas faz com que o alfa Jeremy convoque todos para uma reunião, e isso acaba trazendo a tona acontecimentos do passado de alguns deles.
O primeiro membro que conhecemos é Elena a única mulher que sobreviveu a transformação na história dos lobos, geralmente quando uma mulher é mordida ela não dura muito tempo, no caso de Elena foi diferente ela possui algo de especial e se tornou uma loba respeitada por todos mais também se tornou alvo de curiosos de outras matilhas, e a protagonista não gosta da  vida que foi obrigada a ter, sua transformação foi algo doloroso e envolveu seu grande amor Clay.
Com uma mistura de suspense, fantasia, drama e até mesmo magia, Bitten foi lançada em 2014 e está disponível no canal  Syfy, uma série cheia ação e suspense, que irá lhe prender do começo ao fim, ótima para curtir no final de semana, a série conta um pouco sobre a trajetória de Elena e de sua matilha com muita cenas picantes dos casais apaixonados que a compõem.
Espero que tenham gostado da dica de hoje! Um grande beijo e até a próxima!
13 set, 2017

Resenha Amada Imortal Cate Tiernan

Conclui minha leitura de Amada Imortal, e vim compartilhar com vocês tudo que achei dessa obra, e minha paixão por livros do gênero, sempre gostei muito do sobrenatural em minhas leituras, acho atrativo e me distrai, com essa leitura não foi diferente, mais existem algumas coisas a mais na escrita e história de forma geral, espero que gostem!

“Estava no meu sangue. Eu sabia. Uma escuridão. A escuridão. Eu a tinha herdado, assim como a imortalidade e os olhos negros. Eu tinha resistido quando era mais jovem. Tinha fingido que não estava lá. Mas em algum momento, no caminho, parei de lutar, cedi a ela. Por muito tempo, corri com ela ao lado. Mas naquela noite, a escuridão que me seguia havia mais de quatrocentos anos despencava sobre mim com um peso sufocante, e agora eu odiava a coisa horrível em que eu tinha me transformado.”

Sinopse: Primeiro livro da bem-sucedida trilogia. mistura fantasia sobre imortais a uma história moderna de uma jovem em busca de si mesma e de redenção. Questões de identidade e moralidade aparecem na trama protagonizada pela imortal Nastasya. Nascida em 1551, acostumada a beber e sair para baladas cada vez mais loucas, ela perdeu o rumo. Suas conexões com outros imortais, interessados apenas em suas habilidades mágicas, a fazem partir em busca de um propósito. E o encontra em uma espécie de clínica de reabilitação para os de sua espécie, onde conhece um pouco mais sobre o próprio passado e cria importantes laços para o futuro.

Nastasya é imortal e já tem 450 anos de muitas coisas vividas a maioria delas foi de dor e perda e desde então ela se esconde dentro de um casulo, reprime tudo que é e pode fazer com sua Magick, detesta usar seus poderes e vive uma vida sem sentindo, regada de muita bebida, baladas e atitudes erradas.Junto de alguns amigos, um deles em especial Incy, seu melhor amigo sempre ao seu lado, tudo que fazem juntos a levou a pensar assim, porém de uns tempos pra cá ele fico diferente, ela ficou diferente, mesmo muito consciente que sua vida  não é a mais correta, sempre se permitiu continuar assim, preferia viver assim do que passar pela dor da lembrança, pelas recordações dolorosa de um passado cruel e impiedoso. Mais atualmente o fardo de Nastasya estava cada vez mais pesado e com a mudança repentina de Incy ela começou a ver as coisas de uma outra forma, ele ficou violento e fez coisas desonrosas aos olhos dela, ela também mantinha um segredo antigo e quando percebeu que Incy poderia descobri-lo ela fugiu, para uma lugar diferente, onde a vida era diferente.

Quando conheceu River, Nas não imaginava que um dia poderia procura-la novamente, entretanto ali estava ela pronta pra tentar mudar, ser quem ela era de verdade e o mais importante aprender a usar seus poderes sem tirar a vida do próximo. A casa era uma espécie de clínica de reabilitação para imortais, ali eles reaprendiam suas raízes e a importância do trabalho duro, treinavam e cada membro tinha sua história, com ela não foi diferente porém nossa jovem protagonista era especial e com o tempo ela se descobriu.
“Amada Imortal” é mais que uma leitura sobrenatural ou de fantasia, é uma história de autoaprendizado e autoconhecimento, é o retrato de uma vida roubada, de adaptação e o mais importante de superação, não foi uma leitura fácil confesso a vocês que de inicio o livro se tornou lento e sem grandes acontecimentos, porém é o primeiro de uma trilogia, entendo perfeitamente a proposta da autora de continuar a história de forma significativa e estou ansiosa por isso.

A escrita é envolvente e o romance proposto de forma sútil pela autora aguça nossos olhos, quero muito saber o desenrolar do relacionamento da protagonista com seu antigo agressor fiquei imensamente curiosa. Existe um diferencial no livro que o tornou melhor a cada capítulo, ele mescla presente e passado com detalhes ricos de cenários e personagens que tornam a história muito rica de forma geral.

Adorei ter a oportunidade de ler este primeiro volume, espero que tenham gostado, um grande beijo e até a próxima!
Romance Fantasia | 280 Páginas | Skoob 
| Compare & Compre:•Amazon| Classificação: 5/5

 

25 ago, 2017

Resenha O Vespeiro Kenneth Oppel

Sou apaixonada por fantasias e como imaginei simplesmente adorei a leitura de O vespeiro, uma obra singular e muito envolvente, que aborda assuntos importantes que devemos nos atentar sempre que possível.

Sinopse: O celebrado autor Kenneth Oppel cria uma obra-prima que explora a diversidade e as deficiências, os medos e os sonhos e o que realmente une uma família. Algumas crianças veem o verão como um tempo de alegria e brincadeiras. Mas para Steve é apenas mais um período de preocupação e ansiedade. Seu irmão recém-nascido está lutando pela vida… E ninguém sabe se ele conseguirá vencer essa batalha. Como seus pais ficarão se o pior acontecer? Além de tudo, ainda há um vespeiro no telhado de sua casa… Ele é alérgico! Quando uma vespa-rainha invade seus sonhos com uma solução para todos os problemas, Steve acha que tudo se resolverá, ele só precisa dizer sim. Mas sim é uma palavra muito poderosa… Será possível voltar atrás?

Steve é um jovem muito perceptivo e sofre de alguns transtornos, em um momento muito difícil para sua família o menino se vê preso e confuso em relação a muitas coisas, seu mais novo irmão Theodore está muito doente, e essa doença pode até mata-lo, devido a isso todos estão muito aflitos com a condição delicada do bebê e os pais concentram toda a energia em cura-lo, Steve vê o sofrimento diários de seus pais e sofre por não poder ajudar como gostaria.

O lugar onde vivem é cheio de vespas, a casa do jovem em especifico tem um vespeiro, bem abaixo do beiral do quarto do bebê e isso o incomoda bastante, ainda mais depois que levou uma picada e descobriu ser alérgico as vespas, após o ocorrido os sonhos de Steve mudaram um pouco, antes ele só via um vulto preto no pé de sua cama, agora ele sonha estar dentro do vespeiro e fala com a rainha das vespas, ela diz a Steve que estão trabalhando na cura do bebê e isso o enche de esperança, após alguns sonhos com a rainha ele precisa dizer sim para que tudo ocorra bem com Theodore, mais o menino não imagina o significado dessa palavra e tudo que ela carrega consigo.

Quando descobre a verdadeira intenção da rainha das vespas o jovem trava uma luta contra ela e suas criações, será muito difícil para ele lidar com toda essas situações mais o amor se encarregará do resto.

“O Vespeiro” é sem dúvida uma leitura para crianças e adultos realizarem, existe um mistério por traz de toda a narrativa e isso cativa o leitor, adorei conhecer o trabalho de Oppel, com uma escrita leve, simples e envolvente me conquistou! Espero que tenham gostado um grande beijo e até a próxima!
Romance| 432 Páginas Editora Galera Record|
Compare & Compre: •Amazon| Classificação: 4/5| Skoob
15 jul, 2017

Resenha Fallen Lauren Kate

Simplesmente fiquei surpresa com essa leitura, um livro que mistura situações reais com fantasia, como uma escrita fluída e curiosa a autora vai trabalhando seus personagens em um cenário escolar singular, espero que gostem da resenha!

Sinopse:Algo parece estranhamente familiar em relação a Daniel Grigori. Solitário e enigmático, ele chama a atenção de Luce logo no seu primeiro dia de aula no internato. A mudança de escola foi difícil para a jovem, mas encontrar Daniel parece aliviar o peso das sombras que atormentam seu passado: um incêndio misterioso levou Luce até ali. Irremediavelmente atraída por Daniel, ela quer descobrir qual é o segredo que ele precisa tanto esconder… mesmo que isso a aproxime da morte.

Luce foi transferida para um reformatório pouco depois do acidente com Travor seu suposto namorado, que resultou em sua morte, na “Sword & Cross” as coisas funcionam de um jeito diferente para os alunos, que na maioria das vezes são problemáticos ou taxados de loucos, longe de casa e de sua melhor amiga a jovem se vê em um ambiente que mais lembra uma prisão do que uma escola de verdade, em seu primeiro dia ela é  obrigada a deixar seu celular o único meio de comunicação, em uma caixa, durante todo o tempo no reformatório ela teria que seguir a regras do local que eram extremas e  as vezes até abusivas, ela conhece vários outros alunos Ariane é a primeira a se comunicar com Luce, uma garota animada mais que possui fortes traços de problemas de cabeça, e que no inicio assustava a jovem em vários aspectos, Luce não sabe se pode confiar nela plenamente devido ao seu comportamento excessivo, mais dá uma chance a garota.

Molly uma aluna cruel e briguenta logo de cara arruma uma confusão danada com Luce e Ariane, a novata tem a chance de conhecer Penn, que está no reformatório pois o pai o zelava, ele acabou morrendo e sendo enterrado ali ( sim, existe um cemitério dentro da escola) e por isso e outros motivos mais burocráticos Penn ficou por lá até o presente momento. A nova amiga de Luce é inteligente e a ajuda em muitos aspectos, é o tipo de garota que se pode confiar, e elas criam um laço de afinidade e cumplicidade ali dentro daquele lugar sombrio, tão sombrio quanto as sombras que Luce vê desde de pequena e de certa forma a levaram até aquele lugar.

Existe dois garotos na  “Sword & Cross” Cam e Daniel, Luce se envolverá com os dois de formas diferentes e misteriosas ao mesmo tempo, o que deixa o leitor intrigado, Daniel é o cara que Luce acredita estar apaixonada e Cam o que a deixa confortável e faz se sentir bem, mais será que é isso mesmo? Nossa jovem protagonista enfrenta muitos desafios, e ainda terá que lidar com conflitos internos de um passado sombrio que irá se  revelar a qualquer custo.

A autora criou uma mistura de adolescentes rebeldes, com anjos caídos e um romance juvenil que irá conduzir toda a leitura, achei interessante sua proposta criando personagens tão diferentes e se baseando em passagens da bíblia.

O livro foi de certa forma intenso, o mistério criado em torno dos personagens deixa a história interessante e ao mesmo tempo devagar, não posso dizer que a leitura fluí fácil, pois foi exatamente o contrário, entretanto fiquei muito satisfeita com a construção da história de forma geral e quero muito ler os próximos livros que a completam. Espero que tenham gostado, um grande beijo e até a próxima!

Jovem Adulto| 406 Páginas Editora Galera Record|Compare & Compre: SubmarinoSaraivaAmazon| Classificação: 4/5| Skoob
26 out, 2016

Resenha Harry Potter e a Pedra Filosofal/Minha Primeira Experiência

Minha felicidade é enorme em vir aqui no blog compartilhar com vocês minha primeira leitura de Harry Potter, eu simplesmente estou apaixonada pela coleção que ganhei recentemente, esse meu primeiro contato com a obra foi meio tardio mais sem dúvida foi uma leitura incrível, espero que gostem da resenha.

Sinopse:Conheça Harry, filho de Tiago e Lílian Potter, feiticeiros que foram assassinados por um poderosíssimo bruxo, quando ele ainda era um bebê. Com isso, o menino acaba sendo levado para a casa dos tios que nada tinham a ver com o sobrenatural pelo contrário. Até os 10 anos, Harry foi uma espécie de gata borralheira: maltratado pelos tios, herdava roupas velhas do primo gorducho, tinha óculos remendados e era tratado como um estorvo. No dia de seu aniversário de 11 anos, entretanto, ele parece deslizar por um buraco sem fundo, como o de Alice no país das maravilhas, que o conduz a um mundo mágico. Descobre sua verdadeira história e seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o homem que assassinou seus pais, o terrível Lorde das Trevas.O menino de olhos verdes, magricela e desengonçado, tão habituado à rejeição, descobre, também, que é um herói no universo dos magos. Potter fica sabendo que é a única pessoa a ter sobrevivido a um ataque do tal bruxo do mal e essa é a causa da marca em forma de raio que ele carrega na testa. Ele não é um garoto qualquer, ele sequer é um feiticeiro qualquer; ele é Harry Potter, símbolo de poder, resistência e um líder natural entre os sobrenaturais.

Neste primeiro livro Harry Potter e a pedra filosofal é apresentado ao leitor a história do menino Potter, que mora com seus tios desde que o lorde das trevas matou seus pais polpando apenas sua vida quando ainda era apenas um bebe, Harry mal conhece seus poderes e ainda não sabe que é um bruxo mesmo sendo muito famoso por ter sobrevivido ao lorde das trevas sua vida é meio complicada com tios que não gostam dele nem um pouco, um primo mimado que o maltrata e a ausências dos pais, isso tudo é muito complicado para o leitor no inicio, porém Harry recebe a primeira de muitas cartas que lhe são enviadas e quando enfim consegue ler uma delas descobre um pouquinho do que está por vir em sua vida e toda a magia começa.
Bem muitas pessoas conhecem a história de Harry Potter e se não leram os livros assistiram o filmes que são igualmente tão bons quanto, no meu caso eu sabia mais ou menos do que se tratava assisti o primeiro filme há muito tempo, quase não me recordo, mesmo assim desde que que criei o blog sonhava em ter os livros pra saber direitinho todos os detalhes de personagens e da história em si.
A construção de cada personagem, história, enredo, e acontecimentos foi o que mais me cativou, fazendo com que neste primeiro livro me identificasse com um deles em especial Hagrid e adivinhem o por quê?
Ele tem um amor pelos animais que eu também tenho, pode ser qualquer animal e isso me conquistou, ele se tornou o primeiro e fiel amigo de Harry o que me conquistou de novo, então se querem saber minha primeira experiencia com Harry Potter foi simplesmente maravilhosa e agora posso dizer que entendo a paixão de milhares de leitores por essa incrível história.
Jk é uma escritora maravilhosa que através de sua escrita nos teletransporta para o mundo de seus personagens e partilhamos das emoções e aventuras que os mesmos vivem durante a leitura, foi um prazer imenso ler sua obra.

Título: Harry Potter e a pedra filosofal|Páginas: 224|Gênero: Fantasia|Editora: Rocco|
Minha Avaliação:5/5