[Resenha] O Assassinato No Trem-Jessica Fellowes @record

25 de junho de 2020Michelle

Sempre fui muito inclinada a leituras que envolvessem investigação, confesso que gostaria de ler mais obras desse gênero do que tenho feito nos últimos tempos, foi por esse mesmo motivo que decidi ler “O Assassinato No Trem” lançado recentemente pela editora record o livro dá inicio a uma série policial com muito suspense! Espero que gostem da resenha!

Sinopse:O primeiro livro da série de mistério que retrata o glamoroso universo das irmãs Mitford. Doze de janeiro de 1920. A enfermeira Florence Nightingale Shore, afilhada de sua famosa homônima, chega à estação Victoria, em Londres, no início da tarde. Depois de comprar uma passagem de trem na terceira classe para a Warrior Square, St. Leonards, ela se instala no último vagão, onde aguarda o início da viagem. Pouco antes da partida, um homem de terno de tweed marrom e chapéu entra no mesmo vagão. Foi a última vez que alguém viu a enfermeira viva. No mesmo dia, Louisa Cannon, uma jovem de 18 anos que sonha em escapar da pobreza em Londres e, mais que tudo, de seu perigoso tio, pula de um trem em movimento para fugir de um terrível destino. Sua salvação é um emprego no campo, na mansão Asthall, onde mora a família Mitford. Trabalhando como assistente de babá e dama de companhia das irmãs Mitford, ela se torna confidente da mais velha, a sagaz e inteligente Nancy, de 16 anos. Quando Louisa e Nancy descobrem que Florence foi assassinada em um trem em plena luz do dia, ficam obcecadas com a história. Movidas pela curiosidade, elas descobrem algumas pistas que podem ajudar a desvendar o mistério, mas também acabam envolvidas nos crimes de um assassino que fará de tudo para esconder seu segredo…Skoob

Comparado com as obras de Agatha Christie que por sinal nunca tive chance de conhecer a obra traz a história de uma enfermeira que misteriosamente foi morta em um trem na Inglaterra. Seu nome era Florence Shore  e as circunstâncias de sua morte eram um mistério completo.

Louisa Cannon uma jovem que estava no mesmo trem que Florence, estava indo para um trabalho em Mitford era o inicio de uma nova vida. O envolvimento de Louisa no assassinato não se dá pelo fato de estar no mesmo trem que a vítima e sim um pouco depois quando se torna próxima da filha mais velha da casa onde foi trabalhar como babá. Nancy meio que arrasta Louisa com ela quando fica sabendo do crime movida pela curiosidade e vontade de se tornar adulta antes da hora.

Guy Sullivan é um oficial da policia ferroviária que não serviu na guerra e se frusta por isso. Ele vê no assassinato uma chance se reerguer diante da sociedade e também uma oportunidade de promoção.  A leitura se estende e o leitor se conecta de forma mais íntima com os personagens presentes na mesma, graças ao trabalho da autora que investiu em histórias e trajetórias individuais para os seus personagens, é o que mantem o leitor preso a obra durante todo o livro. Isso mesmo não é apenas o mistério que torna esse livro tão bom e sim o envolvimento com a narrativa escolhida por Jessica Fellowes.

O inicio da obra pode se tornar mais lento devido a todas a presentações dos personagens mais confesso que foi o que tornou a leitura especial, de forma geral a obra se torna leve e tranquila de ler. O leitor consegue elaborar suas teorias de quem seria o culpado do crime, o mistério é vivo na obra do inicio ao fim e a escrita da autora se torna curiosa e estimulante.

Nesse primeiro livro somos introduzidos nas histórias das irmãs Mitford mais não temos uma visão muito ampla de tudo, entretanto acredito que á história delas  tem muito á oferecer ao leitor, com uma breve pesquisa é possível conhecê-las melhor e garanto sua curiosidade irá despertar.

Irmãs Mitford 

Jessica, Nancy, Diana, Unity e Pamela Mitford em 1935. Das seis irmãs, a mais nova, Deborah, está ausente. As irmãs ganharam grande atenção por suas vidas elegantes e controversas quando jovens, e por suas divisões políticas públicas entre comunismo e fascismo. Nancy e Jessica tornaram-se escritores conhecidos: Nancy escreveu A Busca do Amor e do Amor em um Clima Frio , e Jessica The American Way of Death (1963). Deborah administrava Chatsworth , uma das casas senhoriais de maior sucesso na Inglaterra. FonteWikipedia

Minha primeira experiência com a obra de Jessica Fellowes foi muito positiva, sua escrita e criatividade aguça a curiosidade do leitor e o mantêm atento aos acontecimentos da história, a obra foi elaborada em capítulos curtos o que facilita a vida do leitor, e mesmo que o assassinato em sí na minha opinião não tenha sido o auge da leitura a obra é valida para os que apreciam o gênero sem dúvida.

Espero muito que tenham gostado!

Xoxo

Título Original: The Mitford Murders|Páginas: 403|Gênero: Suspense e Mistério|Editora: Record|Minha Avaliação:3/5

Ps: Os links deste post são afiliados, comprando por eles vocês contribuem com meu trabalho, pois ganho um pequena comissão e isso não interfere no valor da compra de vocês! 🙂

Comments (2)

  • Kênia Cândido

    29 de junho de 2020 at 18:20

    Oi Michelle.

    Tenho lido algumas resenhas bem positivas deste livro e cada uma delas está aumentando minha expectativa. Gostei de saber que o mistério é vivo na história. Vou adicionar na lista de desejados. Parabéns pela resenha, aumentou minha curiosidade.

    Bjos

  • Larissa Dutra

    8 de julho de 2020 at 12:17

    Olá, tudo bem? Também estou querendo ler mais livros do gênero ultimamente, e estou bem curiosa para ler este, que estou vendo todo mundo falar, haha. Parece ser uma ótima leitura, fiquei curiosa!

    Beijos,
    Duas Livreiras

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Anterior

[Resenha] Coragem Raina Telgemeier @intrínseca

21 de junho de 2020

Próximo Post

[Resenha] Terror a Bordo - Stephen King e Bev Vincent @suma

29 de junho de 2020
error: Content is protected !!