new videos

[Resenha] Vem Comigo-Karma Brown-@veruseditora












Após esse acidente a leitura caminha pela visão da personagem, conhecemos sua dor, seu sofrimento e tudo que vem junto com sua perda. A forma como ela age diante de tudo torna-se intensa mais compreensível diante dos acontecimentos que lhe atingiram. Será que o amor supera tudo? Será que é possível ser feliz novamente após tanto sofrimento? São essas as indagações que surgem durante a leitura de "Vem Comigo" romance de estreia da autora Karma Brown aqui no Brasil.











A obra tem como base o acidente que mudou a vida desse casal, a princípio eles tinham um futuro lindo, no decorrer da leitura conseguimos perceber alguns traços específicos das escrita que flui muito rápido e prende quem está lendo a obra.





Uma característica marcante da personagem criada por Brown é a humanidade presente nela, nada de disfarces ela é o que é e ponto. Sofre e culpa como qualquer outro em sua situação, vive de forma dolorosa seu luto como qualquer pessoa da vida real, uma das coisas que mais me surpreendeu na obra, Tegan é uma personagem extremamente tangível.





O livro transita entre presente e passado e vice versa, a escrita da autora é minuciosa, detalhista mais isso não torna sua obra ruim pelo contrário faz diferença para o leitor, a construção de cenário também foi algo que eu não esperava a capa do livro tem muito a ver com a história mais não com toda ela e algumas das coisas mais importantes acontecem no inverno perto do natal uma data festiva e alegre , porém infelizmente não para Tegan.









Como mencionei anteriormente o livro me pegou desprevenida em muitos aspectos, um deles foi o final, não foi o que imaginei, porém foi tão bom e diferente quanto eu poderia ter pensado. A autora é singular no que faz em muitas partes de sua obra o que me agradou muito.











Por fim este livro não é tipo de romance clichê que imaginamos ao olhar para ele, questões muito importantes como a psicologia envolvendo seus personagens são amplamente descritas. Outro fator a se considerar nesta leitura é o conteúdo delicado com o qual karma resolveu trabalhar de forma ambiciosa ela encaixa o drama em sua escrita e entrega o que propôs.





Meu primeiro contato com a escrita de Brown foi muito positivo, espero no futuro ter a oportunidade de ler mais livros delas e apreciar melhor seu trabalho, espero muito que tenham gostado da resenha!





Xoxo


Comentários

  1. Eu nunca, em um milhão de anos, imaginaria que esse livro fala sobre luto e dor com essa capa! Eu gosto desse tipo de história, acho que a literatura é um meio para entrarmos em contato com nosso lado mais feliz, mas também pra irmos pra esse lado que sofre e chora. Eu fiquei realmente impressionada com o enredo, já tinha visto o livro de capa, mas não cheguei a pesquisar mais a fundo. Gostei muito da sua resenha e vou colocar o livro na minha tbr.
    https://aquelemqueana.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Eu li uma outra resenha desse livro esses dias, e lembro que fiquei bem curiosa para ler ele. Saber tua opinião me deixou ainda mais curiosa para ler essa estória, que parece ser bem reflexiva e interessante. Adorei a dica!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  3. Eu vi bastante gente recebendo esse livro lá no Instagram, aí eu já fiquei bem curiosa e agora que as resenhas tão saindo eu tô cada vez mais doida pra ler esse livro!
    Apesar de não ser um gênero que eu tô acostumada a ler, eu adorei a temática dele e sem contar que essa capa é maravilhosa né?! Adorei sua resenha e suas fotos tão maravilhosas!!!

    ResponderExcluir
  4. Suas fotos <3
    Eu vi várias pessoas postando resenha desse livro pelo instagram, mas não tinha despertado o meu interesse.
    Sua resenha me deixou com vontade de me jogar nesse leitura. Gosto de personagens complexos, com camadas e ver que trás questões importantes envolvendo psicologia e comportamento me deixou interessada <3

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Confesso que não tinha lido nada sobre esse livro, e que a capa é o título não me remetem a premissa apreentada. Perde e uma gestação não é nada fácil, seja por aborto espontâneo, ou por aborto por trauma — o que me parece ser o caso desse livro —, acho que pra mim a leitura seria um gatilho, porém me interessei por ele, todavia deixarei pra um momento em que eu esteja mais preparada. Ainda assim, vai pra listinha de desejados.

    Beijo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Form for Contact Page (Do not remove)